domingo, 7 de março de 2010

Pétalas da Terra

video

Mesmo com o tempo cinzento, as amendoeiras, que me abraçam sempre que regresso à terra, qual negrilho torguiano, também desta vez, juntando-se todas, sorriram para mim e posaram para a fotografia. Será porque, sempre que as visito, lhes dou uma palavrinha e um afago, seja Inverno ou Verão! Além disso são uma família antiga e ainda não admitiram no seu seio as novatas ditas da CEE. Porque respeitam os valores da tradição e da solidariedade, todas me polvinharam com suas diferentes matizes!

3 comentários:

Anónimo disse...

Clap!,clap!,clap!clap!..... [palmas, muitas palmas]. Extraordinário este diaporama sobre as amendoeiras em flor, ainda por cima com uma banda sonora bem escolhida! Ainda que a letra se inspire na Canção de Amigo medieval (D. Dinis), e se fale na "flor do verde piño", bem que poderia ser flor de amendoeira, se o rei-trovador tivesse passado primeiro pelas nossas terras! Talvez para se redimir, criou uma terra com nome de flor, aqui bem perto (Vila Flor) - seria alusão à flor da amendoeira, que povoa a nossa região? Seja como for, aqui ficam os meus Parabéns ao Vasdoal por este magnífico trabalho!
com um abraço do
N.

vasdoal disse...

Obrigado, N. É neste período do ano que os campos e ladeiras de Moncorvo são a espuma do mar. A "flor de verde piño" é a metáfora da simbiose entre a terra e o oceano, não fosse também a Vilariça contribuir com o cordame para as caravelas.

um abraço,
João

Isabel Mateus disse...

C'est magnifique!

As imagens, o som e a letra da músi ca fizeram-me ficar com o coração aos pulos e com uma vontade imensa de me evaporar nas belas asas coloridas...

Obrigada Vasdoal!

Grande abraço,

Isabel